12nov

Testamento de Robin Williams impediu a continuação de Alladin

Publicado por Fábio Zonatto

0 Comentários

Tag: Alladin animação cinema disney Morte Musica Robin Williams Testamento Thomas Dolby

O genial Robin Williams, que nos deixou tragicamente em 2014 após cometer suicídio, ainda parece ter influência no cinema mesmo após sua morte.

A Disney tinha planos para fazer uma continuação do longa de animação Alladin, visto que ainda possuem grande quantidade de material gravado por Williams em 1991 para o personagem Gênio. Porém estas piadas – assim como qualquer outro material que envolva a imagem e voz do ator falecido – estão protegidas pelo testamento dele, que proíbe sua utilização e exibição comercial por 25 anos.

O fato foi trazido por um executivo da Disney em recente matéria do Sunday Times, que lamenta a impossibilidade de usar as falas de Williams para trazer mais alegria ao grande público na forma do inesquecível Gênio de Alladin.

Seja lá como for, só de lembrarmos o nome de Robin Williams já nos traz muitas lembranças. Em meu caso, sempre lembro-me deste filme, “A Revolta dos Brinquedos”, e desta grande canção tema de Thomas Dolby com a participação de Williams e Joan Cusack: